cerca eletrica Maringa

Cerca Elétrica em Maringá disparando, saiba o que você pode fazer para resolver o problema.

Antes de aprofundarmos neste tópico, devemos lembrar que a cerca elétrica é um equipamento elétrico e deve ser manuseado por profissionais habilitados, porem alguns defeitos podem ser identificados e reparados pelo proprietário do sistema.

Para começar é bom você saber que existem diversas marcas e modelos de cerca elétrica e que o sistema é composto por uma central de choque ( conhecido como eletrificador ) e os periféricos que compõem o perímetro como hastes com isoladores, fios de inox, placas de advertência, repuxos etc. . .

As centrais de choque são distintas dependendo da modelo e fabricante e aconselhamos evitar o manuseio nos componentes a fim de não desprogramar ou danificar componentes.

Uma das maiores causas de disparos falsos na cerca elétrica (80%) está relacionado com o perímetro, ou seja fiação e isoladores e nesta parte ter uma atenção redobrada e uma vistoria detalhada como:

Verificar filamentos partidos, isto tira resistência do sistema e causa disparo, neste caso desligue a central e providência a troca do trecho partido, evite emendas.

Verificar pontos de fuga, isto acontece quando os filamentos estão frouxos e encostam em paredes, calhas, plantas, arvores, entre outros.

Verificar os isoladores das hastes, muitas delas são de baixa qualidade e expostos a sol e chuva termina por trincar e gerar fuga da centelha para haste, isto só é notável em dias de chuva porque a agua penetra e faz a condução do pulso, neste caso troque os isoladores ou hastes

As outras causa de disparos estão relacionadas com a central de choque que em geral trata-se de bobina de centelhamento em curto, desgastada ou queimada e neste caso a dica é contratar um técnico para este reparo ou substituição da eletrificadora.

A cerca elétrica é um equipamento de segurança e proteção de perímetro e deve ser levado à sério, a dica fazer uma manutenção preventiva semestralmente para alinhamento dos filamentos, ajustes de sensibilidade e testes periódicos de centelhamento.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer participar da discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.